Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Biblioteca dos Desenhos Animados

Blogue de divulgação e busca de Desenhos Animados

Blogue de divulgação e busca de Desenhos Animados

Biblioteca dos Desenhos Animados

01
Nov18

Pokemon

Pokemon faz parte de mim, eu sei que faz parte de muita gente, mas mesmo assim a mim é especial.

É que eu tento viver como se o mundo fosse Pokemon, pelo menos tento fazê-lo como tal. E não, nunca joguei os jogos pois sempre os achei secantes (experimentei para o game boy). A série é que é qualquer coisa: a primeira e segunda temporadas são fenomenais, a partir da terceira começa a existir episódios não fenomenais mas mesmo assim os que não são fenomenais são muito bons, a partir da quinta além dos fenomenais começam a existir maus, então a partir da sexta nem quero falar. De qualquer das maneiras fazer cento e tal episódios sempre com grande qualidade e imaginação é obra prima inigualável, logo também é normal que, sendo obrigado a nunca acabar, que a série piore.

Já falei com pessoas que gostam de Pokemon mas que são mais novas, os primeiros episódios que viram foram tipo da terceira ou temporadas mais recentes, quando lhes dei a conhecer as duas primeiras, ficaram loucos, começaram a achar que as temporadas que gostavam mais (que são diferentes das duas primeiras) eram afinal más!!

Os filmes são maus, lembro-me de gostar deles apenas porque mexem com as personagens da série mas são péssimos.

Porque é que eu gosto tanto de Pokemon? Não vale a pena escrever pois ninguém me entenderá, uma das razões até  já tinha escrito no meu outro blogue nesta publicação:

https://rebeldiadefeituosa.wordpress.com/2017/06/30/grandes-paixoes-desenhos-animados/

A minha paixão era tão grande que, num dia em que os meus pais num belo Sábado de manhã decidiram viajar até Évora, levaram-me à força sobre grandes choradeiras e sofrimentos pois eu não podia perder um episódio dos Pokemon. Tinham um almoço daqueles festivos, daqueles encontros que eu sempre achei aborrecidíssimos pois têm gente do mais secante e além disso são às dezenas, é do tipo encontros familiares, decidi fazer greve de fome e fiquei à porta do restaurante, não comi nada naquele dia, de vez em quando iam-me chatear para jogar jogos, brincar ou merdas assim e eu sempre muito confiante (muitas vezes a confiança é invejada por quem não tem confiança, ou seja é vista como teimosia) rejeitava todas as propostas.

Fiquei conhecido naquele dia como porteiro pois passei-o sempre à porta do restaurante.

Colecionei tazos, cartas, autocolantes, comprei o CD de música, não tenho cassetes pois eu nunca tive vídeo, um jogo de Pokemon de tabuleiro que eu nunca percebi, pokebolas com os boneco lá dentro, acho que é tudo. Eis a minha paixão demonstrada na minha secretária quando era pequeno:

P_20180206_125826.jpg

Estrearam cá em 1999, uma das provas são os desenhos que fiz já em 1999 (o meu pai guardou-os, tenho cerca de duas dezenas desta temática). No desenho de baixo é possível reconhecer alguns Pokemon, conseguem identificar algum?!:

P_20170626_155058.jpg

O Team Rocket e os seus Pokemons, em baixo o Brock e seus respetivos:

P_20170626_155311.jpg

Queria tanto voltar a estes tempos, evitar caminhos que percorri ou que desisti, ter uma segunda oportunidade, de qualquer das maneiras sinto que seria sempre infeliz nesta horrorosa vida.

P_20170626_160247.jpg

 

 

 

7 comentários

  • Imagem de perfil

    Bibliotecário 04.11.2018 12:23

    Olá!!
    Eu por acaso tive várias fases em que deitava tudo para o lixo, era uma espécie de como não gostava da minha vida, de a esquecer, e portanto de certa forma generalizei com as coisas pois havia bons momentos. Eu deitei os meus tazos e vendi as minhas cartas (outra forma que fazia em vez de deitar fora) e estou tão arrependido.....dava tudo para ter tudo aquilo que deitei fora de volta.
    Agora estou diferente, por exemplo adquiri há pouco uns envelopes dos anos 60, eu escrevo muitas cartas (tenho este hábito desde pequeno, é o meu meio de comunicação principal) e usei todos os envelopes exceto 2 ou 3 para guardar como recordação. Ou seja agora o meu objetivo é guardar tudo, pois o tempo nunca é desperdício.

    Tiveste uma revista??? Tenho que ver isso, eu não sabia que houve revistas Pokemon, eu tinha era as da Rua Sésamo. Tens de arranjar o teu vídeo!!

    Neste site podes ver todos os episódios gratuitamente de Pokemon:
    https://anituga.xyz/366-pok233mon-t01-liga-indigo.html

    Não sei até que parte te lembras dos desenhos, eu só vi até aos 8 anos pois a partir daqui tive uma crise existencial!! Ou seja lembro-me até à terceira ou quarta temporada. Isto para te dizer que no final da quinta, fizeram uma temporada especial que adorei e que só vi este ano!!:
    https://anituga.xyz/1893-pokemon-chronicles.html
  • Imagem de perfil

    Bibliotecário 04.11.2018 12:25

    Ainda tenho o CD e oiço-o de vez em quando! E tenho uma camisola de manga curta guardada ainda!!
  • Imagem de perfil

    JustAnOrdinaryGirl 13.11.2018 23:27

    Eu também houve coisas que acabei por deitar fora e outras que acabaram por ir para o lixo sem querer, no meio de tralha.
    Eu não sei bem que temporadas via. Sei que eram as primeiras. Os meus pais costumavam gravar os episódios que davam na televisão, em cassetes VHS e depois eu e o meu irmão víamos os episódios. Depois começámos também a ver na televisão sempre que dava. Adorávamos aquilo.
    Sim, eu tenho uma revista cá em casa. Acho que a revista fala sobretudo sobre as cartas e algumas características dos Pókemon. Se encontrar eu depois envio umas fotos para o teu mail, para tu veres :)
    Eu lembro-me que tinha um daqueles bonecos para colocar nos lápis, que era do Meaw, mas não faço ideia de onde esteja.
    Os tazos nunca me consegui desfazer deles, marcaram mesmo uma parte da minha infância. Ainda troquei alguns com amigos, mas o resto guardei. E acho que tenho uns poucos repetidos.
    Outra coisa que tenho é uma pulseira que há uns anos saiu nos ovos da Páscoa. Foi uma bela recordação tantos anos depois.

    Obrigada pelos links, vou ter de ir ver os episódios :) Não sabia da temporada especial, mas também fiquei curiosa em ver.

    Entretanto, descobri um livro chamado Eu também tive um pega monstro. É um livro sobre os anos 90. Como é um livro cheio de memórias e relíquias da década, achei que talvez achasses interessante. Eu já comprei um para mim (https://www.wook.pt/livro/tambem-tive-um-pega-monstro-revenge-of-the-90-s/22267820)
  • Imagem de perfil

    Bibliotecário 18.11.2018 18:22

    Gosto muito dos teus comentários e quanto maiores, melhor!

    Ai isso seria espetacular se eu pudesse ver essa revista!

    Quero comprar esse livro!! Fiquei mesmo curioso, qualquer livro sobre a vida nos anos 90 em Portugal tem de ser lido por mim!
    Muito obrigado pela tua sugestão, é bom saber que alguém se lembrou de mim!
  • Imagem de perfil

    JustAnOrdinaryGirl 20.11.2018 23:38

    Então vou continuar a comentar, mesmo com comentários gigantes :)

    Sim, eu depois envio-te algumas fotos da revista. Sei que a tenho no sótão e esta semana vou ter de lá ir arrumar umas coisas e aproveito para tirar essas fotos :) A revista veio cá parar por acaso, no meio de uns livros que os meus avós trouxeram para nós. Era de alguém que ia deitar fora. Mas quando vimos que era do Pokemon decidimos guardar.

    Quando vi o livro meti logo na minha lista. Era para comprar mais na altura do Natal, mas não resisti quando o voltei a ver na loja. Lembrei-me logo dos posts de memórias e do teu blog e das conversas que temos sobre isto. Tinha mesmo de partilhar :)

  • Imagem de perfil

    Bibliotecário 24.11.2018 23:12

    Ai mal posso esperar por essas fotografias!!

    Esta semana irei também comprar o livro, espero encontrá-lo lá na Covilhã!

    Ai é cada vez mais difícil para mim não ser criança, pois quanto mais o tempo passa, mais nos afastamos do nosso passado. Enfim
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Procura-se Desenho Animado

    Em Busca(1)

    Em Busca(2)

    Em Busca(3)

    Em Busca(4)

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D